Publicidade

 


Página 1 de 4 1234 ÚltimoÚltimo
Resultados 1 a 10 de 38

Tópico: carta de despedimento, quanto tempo dar á empresa.

  1. #1
    G-Sat VIP Avatar de Brocas
    Data de Inscrição
    Oct 2006
    Idade
    43
    Mensagens
    23
    Agradecer
    0
    Agradecido 0 vezes
    Em 0 tópicos

    Padrão carta de despedimento, quanto tempo dar á empresa.



    Olá amigo, o caso é o seguinte, tenho uma cunhada minha que trabalha numa firma á cerca de um ano e meio e quer meter a carta de despedimento queria saber se tem que dar um ou dois meses á empresa.

    Cumpts Brocas
    Última edição por Nuno; 27-01-2014 às 07:13.

  2. # ADS
    Link Patrocinador
    Data de Inscrição
    03-10-2006
    Idade
    6
    Mensagens
    Muitas
     

  3. #2
    G-Sat Junior Avatar de sotamp
    Data de Inscrição
    Oct 2007
    Idade
    37
    Mensagens
    12
    Agradecer
    0
    Agradecido 0 vezes
    Em 0 tópicos

    Padrão Re: carta de despedimento

    Boas!

    Segundo sei, apenas necessita de dar 1 mês à empresa. Se tivesse mais de 2 anos de casa é que teria que dar 2 meses.
    Normalmente são 30 dias corridos incluindo fds e feriados. Ela que não se esqueça das férias a que tem direito!

    Abraços

    Sotamp

  4. #3
    G-Sat VIP Avatar de vander
    Data de Inscrição
    Oct 2006
    Localização
    Chaves
    Idade
    37
    Mensagens
    4.471
    Agradecer
    80
    Agradecido 48 vezes
    Em 19 tópicos

    Padrão Re: carta de despedimento

    Citação Mensagem Original de sotamp Ver Post
    Boas!

    Segundo sei, apenas necessita de dar 1 mês à empresa. Se tivesse mais de 2 anos de casa é que teria que dar 2 meses.
    Normalmente são 30 dias corridos incluindo fds e feriados. Ela que não se esqueça das férias a que tem direito!

    Abraços

    Sotamp
    Aqui o nosso amigo sotamp tem razão...e quando meter a carta de despedimento tem de ver uns pontos...se é por iniciativa do trabalhador vai cancelar o contrato por "Resolução" ou "Denúncia" que são coisas distintas, mas penso que o nosso amigo vampiro2000 poderá ajudar melhor nessa matéria.

    Resolução - "Ocorrendo justa causa, pode o trabalhador fazer cessar imediatamente o contrato".

    Denúncia - "O trabalhador pode denunciar o contrato independentemente de justa causa, mediante comunicação escrita enviada ao empregador com a antecedência mínima de 30 ou 60 dias, conforme tenha, respectivamente, até dois anos ou mais de dois anos de antiguidade".


    abraço
    vander

    P.S.: o que está escrito a verde foi retirado do Código do trabalho.

  5. #4
    G-Sat VIP Avatar de Brocas
    Data de Inscrição
    Oct 2006
    Idade
    43
    Mensagens
    23
    Agradecer
    0
    Agradecido 0 vezes
    Em 0 tópicos

    Padrão Re: carta de despedimento

    Obrigados amigos, pelo esclarecimento que me deram, e já agora a minha cunhada vai meter a carta de despedimento por iniciativa própria, para mudar de firma.

    Cumpts Brocas

  6. #5
    G-Sat Junior Avatar de PORTKAKU
    Data de Inscrição
    Apr 2007
    Mensagens
    3
    Agradecer
    0
    Agradecido 0 vezes
    Em 0 tópicos

    Padrão Re: carta de despedimento

    Também estou a precisar de ajuda nesta matéria.

    Quero apresentar a minha demissão agora durante o mês de março, mas como tenho mais de dois anos de contrato não sei como tenho de escrever a carta, porque não sei se posso descontar os dias de férias a que tenho direito.
    O ano passado gozei as férias todas a que tinha direito, e agora não sei desde quando é que se contabilizam os dias de férias a que tenho direito, são dois dias por cada mês a contar do dia 01/01/2008?
    E dando eu os 60 dias de aviso prévio, ainda vou receber o proporcional dos subsídios de férias e natal?

    A minuta da carta será algo deste género? Imaginemos que apresento amanhã (23 de Março) a carta de rescisão

    Eu, (nome), funcionário nº xxxxx da vossa empresa, venho por este meio informar que pretendo rescindir o meu contrato de trabalho com a vossa empresa , cessando funções a partir do próximo dia 23 de Maio de 2008.

    Serve a presente carta como aviso prévio de 60 dias, conforme o estipulado em lei.
    Não convém também referir algo quanto aos dias de férias a que ainda tenho direito?
    Última edição por PORTKAKU; 22-03-2008 às 23:27.

  7. #6
    G-Sat Junior Avatar de sotamp
    Data de Inscrição
    Oct 2007
    Idade
    37
    Mensagens
    12
    Agradecer
    0
    Agradecido 0 vezes
    Em 0 tópicos

    Padrão Re: carta de despedimento

    Citação Mensagem Original de PORTKAKU Ver Post
    Também estou a precisar de ajuda nesta matéria.

    Quero apresentar a minha demissão agora durante o mês de março, mas como tenho mais de dois anos de contrato não sei como tenho de escrever a carta, porque não sei se posso descontar os dias de férias a que tenho direito.
    O ano passado gozei as férias todas a que tinha direito, e agora não sei desde quando é que se contabilizam os dias de férias a que tenho direito, são dois dias por cada mês a contar do dia 01/01/2008?
    E dando eu os 60 dias de aviso prévio, ainda vou receber o proporcional dos subsídios de férias e natal?

    A minuta da carta será algo deste género? Imaginemos que apresento amanhã (23 de Março) a carta de rescisão



    Não convém também referir algo quanto aos dias de férias a que ainda tenho direito?

    Amigo!
    Quanto à minuta da carta, não faço a mínima ideia.
    Quanto aos dias de férias não nos podemos esquecer que as férias que iria gozar este ano são relativas ao ano passado! Logo, os dias de férias a que tem direito é os 22 do ano passado + 2 dias por cada mês de trabalho relativos a este ano!
    Se puser a carta hoje, teria que colocar na mesma a data da cessação de contrato, que seria 23 de Maio (60 dias corridos) ora como tem direito a 22 dias (ano passado) + 9 ( 2 dias por cada mês) que dá 31 dias de férias! Logo teria de trabalhar até ao dia 7 de Abril, o restante são férias!

    Atenção que estando de férias, não poderia trabalhar noutra empresa a não ser que já estaria a trabalhar antes da entrada em férias!

    Abraços

    Sotamp

  8. #7
    Administrador Avatar de vampiro2000
    Data de Inscrição
    Oct 2006
    Localização
    MMN/EVR
    Idade
    41
    Mensagens
    215
    Agradecer
    39
    Agradecido 109 vezes
    Em 45 tópicos

    Padrão Re: carta de despedimento

    Básicamente é assim: desde que haja acordo com a entidade patronal, tudo se resolve incluindo as férias e outros valores pendentes. A questão é quando o patrão assim não entende. Terá sempre que se respeitar o prazo para a rescisão ou resolução. Não existe própriamente um despedimento (quando existe acordo entre as partes). Eu aconselho sempre, em contratos de longa duração (pelo menos mais de 6 meses) que o aviso seja de pelo menos um mês de antecedência... Há quem defenda que 15 dias seria suficiente...
    Em relação às férias as mesmas correspondem sempre ao ano anterior excepto se em semestres que podem corresponder no mesmo ano.
    Coloquem as vossas questões no forum. Não respondo por PM.

  9. #8
    G-Sat Junior Avatar de LadySophia
    Data de Inscrição
    Jun 2008
    Mensagens
    2
    Agradecer
    0
    Agradecido 0 vezes
    Em 0 tópicos

    Padrão Re: carta de despedimento

    Olá.
    Sou a Sophia e nova por aqui...
    Estou a trabalhar há 2 anos numa firma e quero sair por iniciativa própria, e não tendo até à data razão de queixa da entidade patronal.
    Surgiu uma oportunidade a não perder e eu quero sair, mas necessito de não dar o tempo... ou seja já avisei a entidade patronal, sei que tenho que dar 2 meses... avisei no dia 6 de junho, terei que ficar até dia 6 de Agosto, e até dia 13 de Julho consigo consiliar os dois empregos... mas a partir de dia 13 já não dá em caso de não conseguir chegar a acordo com o emprego de onde quero sair...

    Se não for trabalhar a partir de dia 13 de Julho, quais são as possiveis consequências?

    Embora já tenha avisado, ainda não fiz a carta de despedimento. As férias do emprego antigo serão gozadas até dia 13 de Julho por completo, porque já estavam marcadas.

    Alguém me pode ajudar?

  10. #9
    G-Sat VIP Avatar de dragãoo
    Data de Inscrição
    Apr 2008
    Mensagens
    148
    Agradecer
    0
    Foi agradecido 2 num tópico

    Padrão Re: carta de despedimento

    Boa noite Sophia, existe esta legislação, no entanto, salvo com respeito por melhor opinião, aconselho te a contactar a defesa do consumidor, ou outra entidade ex: Segurança Social.
    Tambem falta aki dizer, em ke situação celebras te o kontrato, se foi a termo certo ou a termo incerto.
    Se o contrato celebrado tiver sido celebrado há menos de 2 anos, o trabalhador tem de avisar a entidade patronal da sua intenção pelo menos 30 dias antes da data em ke pretende ke o mesmo deixe de vigorar (geralmente, o ultimo dia de determinado mês);
    - Se o contrato tiver mais de 2 anos, o prazo mínimo de pré-aviso é de 60 dias.

    - Se não respeitar os prazos definidos para o pré-aviso, o trabalhador korre o risco de a entidade patronal lhe exigir um indemnização, que deverá corresponder ao periodo decorrido entre o prazo previsto na lei e aquele que efectivamente respeitou. Por exemplo, imaginemos que um trabalhador com contrato há 3 anos informa o seu patrão, a 15 de julho, que pretende deixar de trabalhar a partir do dia 31 desse mês. Nesse caso, poderá ter de pagar uma indmnização correspondente a 45 dias de salário, já ke o aviso deveria ter sido feito com, pelo menos 60 dias de antecedencia.

    Por outro lado, o trabalhador também pode pôr fim ao contrato, com justa causa, sempre que se verifique qualquer das seguintes situações;
    -Falta de pagamento de salário (60 dias após a data em que deveriam ter sido pagos);
    - Violação das garantias do trabalhador;
    - aplicação de sanções abusivas;
    - deficientes condições de higiene e de segurança no trabalho;
    - lesão de interesses patrimoniais sérios do trabalhador (por exemplo, não pagando trabalho extraodinario ou os aumentos resultantes de uma promoção);
    ofensas à sua integridade física, liberdade, honra ou dignidade, praticadas pela entidade patronal ou seus representantes.


    Artigo 23º

    Cessação do contrato

    1 — Qualquer das partes pode, mediante comunicação escrita, denunciar o contrato para o termo de execução da incumbência de trabalho.

    2 — Salvo acordo em contrário, a falta de trabalho que origine a inactividade do trabalhador por prazo
    superior a 60 dias consecutivos implica a caducidade do contrato a partir desta data, desde que o beneficiário da actividade comunique por escrito a sua ocorrência, mantendo o trabalhador no domicílio o direito à indemnização prevista no artigo seguinte.

    3 — Qualquer das partes pode, mediante comunicação escrita, resolver o contrato por motivo de
    incumprimento, sem aviso prévio.

    4 — O beneficiário da actividade pode, mediante comunicação escrita, resolver o contrato por motivo
    justificado que não lhe seja imputável nem ao trabalhador, desde que conceda o prazo mínimo de aviso prévio de 7, 30 ou 60 dias, conforme a execução do contrato tenha durado até seis meses, até dois anos ou por período superior, respectivamente.

    5 — O trabalhador no domicílio pode, mediante comunicação escrita, denunciar o contrato desde que conceda o prazo mínimo de aviso prévio de 7 ou 15 dias, consoante o contrato tenha durado até seis meses ou mais de seis meses, respectivamente, salvo se tiver trabalho pendente em execução, caso em que o prazo é fixado para o termo da execução com o máximo de 30 dias.

    6 — No caso de extinção do contrato, o trabalhador no domicílio incorre em responsabilidade civil pelos
    danos causados ao beneficiário da actividade por recusa de devolução dos equipamentos, utensílios, materiais e outros bens que sejam pertença deste, sem prejuízo da responsabilidade penal a que houver lugar pela violação das obrigações do fiel depositário.



    Artigo 24º

    Indemnização

    1 — A inobservância do prazo de aviso prévio por qualquer das partes confere à outra o direito a uma
    indemnização equivalente à remuneração correspondente ao período de aviso prévio em falta.

    2 — A insubsistência dos motivos alegados pelo beneficiário da actividade para resolução do contrato, nos termos dos nº 3 e 4 do artigo anterior, confere ao trabalhador o direito a uma indemnização igual a 60 ou 120 dias de remuneração, consoante o contrato tenha durado até dois anos ou mais de dois anos, respectivamente.

    3 — Para efeitos de cálculo de indemnização, toma-se em conta a média das remunerações auferidas nos últimos 12 meses ou nos meses de execução do contrato, caso seja de duração inferior.


    espero ter sido util para ti e kem sabe para outros users

    cumps

  11. #10
    G-Sat VIP Avatar de dragãoo
    Data de Inscrição
    Apr 2008
    Mensagens
    148
    Agradecer
    0
    Foi agradecido 2 num tópico

    Padrão Re: carta de despedimento

    Mais um exemplo ao contrario do anterior este é da Rescisão de contrato a termo pelo trabalhador



    (nome e morada completa do trabalhador)



    ,,,,,,,,,,,,,,,,,,,,,,,,,,,,,,,,,,,,,,,,,,,,,,,,,, ,,,,,,,,,,,,,,,,,,,,,(nome e morada completa da entidade patronal)


    .....,,,,,,,,,,,,,,,,,,,,,,,,,,,,,,,,,,,,,,,,,,,,, ,,,,,,,,,,,,,,,,,,,,,,,,,,,,,,,,,,,,,,,,,,,,,,,,,, ,,(localidade e data)



    Carta registada com aviso de recepção


    Assunto: rescisão de contrato a termo.


    Exmos. senhores,


    Venho, por este meio, rescindir o contrato de trabalho a termo celebrado com a vossa empresa há mais de um ano, concretamente no dia ,,,,,,de,,,,,,,,,,,,de------, cumprindo assim o pré-aviso mínimo de trinta dias de antecedência, definido por lei, relativamente à data de renovação do contrato, que ocorreria no dia .......de............de....... .

    Até à data referida, pretendo ainda gozar o período de férias a que tenho direito (em datas a acordar convosco), devendo V. Exas., como sabem, pagar-me no final do contrato os montantes relativos aos subsídios de férias e de Natal, em proporção à prestação de trabalho realizada durante o corrente ano.



    Sem mais de momento, subscrevo-me, apresentando os melhores cumprimentos,




    ------------------------------------------------------------O funcionário


    ------------------------------------------------------------(Assinatura)





    kualker koisa em ke possa ser util, disponham sempre,


    cumps

Página 1 de 4 1234 ÚltimoÚltimo

Patrocínio em Destaque

Marcadores
DESCUBRA A DECO PROTESTE
Experimente já, durante 2 meses por apenas 2€ e receba um leitor MP5 multimédia de presente!
Saiba mais aqui.

Permissões de Postagem

  • Você não pode iniciar novos tópicos
  • Você não pode enviar respostas
  • Você não pode enviar anexos
  • Você não pode editar suas mensagens
  •