Resultados 1 a 1 de 1

Tópico: Trabalhadores científicos exigem respostas

  1. #1
    Administrador Avatar de Joao Santos
    Data de Inscrição
    Oct 2006
    Idade
    57
    Mensagens
    22.974
    Agradecer
    2.560
    Agradecido 2.932 vezes
    Em 1.859 tópicos
    Entradas no Blog
    43

    Padrão Trabalhadores científicos exigem respostas

     

    Bolsas de investigação estão a terminar sem que sejam abertos concursos para a carreira de investigação científica.

    Os seres humanos retornados da Líbia voltarão de certeza à Líbia para serem novamente comercializados e tentarem chegar à Europa através do Mediterrâneo ou por outras fronteiras.


    Os bolseiros de investigação exigem ser considerados trabalhadores com plenos direitos

    A denúncia é feita pela Associação de Bolseiros de Investigação Científica (ABIC), a partir de um inquérito que realizou nos últimos dois meses: pelo menos 25% dos bolseiros doutorados viram as suas bolsas terminarem e continuam a aguardar a abertura de concursos pelas instituições, desde a aprovação da lei do emprego científico, há um ano e meio.

    O diploma foi aprovado pelo Governo em Agosto de 2016 e foi alvo de uma apreciação parlamentar que introduziu alterações, como a possibilidade de integração na carreira de investigação científica e dois novos prazos para contratação de doutorados, aprovada em Maio passado.

    No entanto, denuncia a ABIC, as instituições de investigação e desenvolvimento (I&D), a Fundação para a Ciência e a Tecnologia (FCT) e o próprio Ministério da Ciência, Tecnologia e Ensino Superior (MCTES) têm dificultado a contratação dos trabalhadores científicos há três anos em regime de bolseiros, como previsto na lei.

    Em nota à imprensa, a organização relembra a garantia deixada pelo ministro Manuel Heitor à deputada do PCP Ana Mesquita, no debate na especialidade do Orçamento do Estado para 2018, de ter dado «orientações expressas» de que «se deveria resolver todos os casos de eventuais bolseiros que acabassem a bolsa entretanto».

    Os dados recolhidos pela ABIC e os contactos com várias instituições levam a associação a afirmar que as orientações referidas pelo ministro da tutela só terão chegado à FCT após a audição na Assembleia da República. A isto, sublinham, acresce o facto de que «as instituições que não têm dinheiro não poderão ter esta despesa» com a contratação dos cientistas cujas bolsas terminaram.

    Também a Federação Nacional de Professores (Fenprof/CGTP-IN), após uma reunião com o MCTES, defendeu que as despesas com a contratação dos bolseiros deve ser assumida pelo Estado, através de transferências para as instituições onde estes trabalham, mesmo para lá do tempo previsto na lei em que será a FCT a transferir as verbas para as instituições.


    https://www.abrilabril.pt/

  2. # ADS
    ========
    Data de Inscrição
    03-10-2006
    Idade
    6
    Mensagens
    Muitas
     

Tópicos Similares

  1. Investigadores científicos exigem futuro com direitos e dignidade
    Por Joao Santos no fórum Destakes / Educação
    Respostas: 0
    Última Mensagem: 11-11-2017, 21:43
  2. Respostas: 0
    Última Mensagem: 17-12-2016, 10:10
  3. Respostas: 0
    Última Mensagem: 02-04-2012, 11:50
  4. Artigos científicos e técnicos
    Por mokyy no fórum Português
    Respostas: 0
    Última Mensagem: 17-04-2008, 21:58
  5. Princípios cientificos!!
    Por ®JUVERUI no fórum Actualidades
    Respostas: 0
    Última Mensagem: 10-09-2007, 15:20

Tags para este Tópico

Patrocínio em Destaque

Marcadores
DESCUBRA A DECO PROTESTE
Experimente já, durante 2 meses por apenas 2€ e receba um leitor MP5 multimédia de presente!
Saiba mais aqui.

Permissões de Postagem

  • Você não pode iniciar novos tópicos
  • Você não pode enviar respostas
  • Você não pode enviar anexos
  • Você não pode editar suas mensagens
  •